Daniel Coelho nasceu em Ji-Parará (RO), mas passou toda a sua infância na pequena cidade de Itanhandu, interior de Minas Gerais. O clima da Serra da Mantiqueira e suas cachoeiras e as canções que ouvira nas vozes e nas fitas cassete de seus avós ainda ecoam em sua produção musical. Iniciou seus estudos musicais com sua tia, a cantora e compositora Ceumar - com quem Daniel gravou e tem se apresentado desde 2013. Em 2005 Daniel ingressou no curso de música popular na Universidade Estadual de Campinas - UNICAMP, onde pôde conhecer mais pessoas e aprofundar seus conhecimentos musicais. Uma vez na universidade participou de vários grupos distintos como o grupo Samba com Pressa (com Livia Nestrovki e Maria Beraldo); o Trio Tarrason, com quem gravou seu primeiro CD em 2009; o Casa7, grupo com 2 CDs lançados: Casa7 e Caminho do Meio. Morou em São Paulo de 2010 a 2018, onde teve a sorte de trabalhar com diversos músicos do Brasil e do mundo, dentre eles Juçara Marçal, Ceumar, Luciana Alves, Claudia Cunha, Ivan Vilela, Adriana Holtz, além de músicos internacionais como Bernhard Schüller, Mario Carbotta e Vincent Ségal. No início de 2018 Daniel lançou seu primeiro trabalho de música instrumental, que já conseguiu algumas críticas positivas como: “Com um pé no Brasil e outro no mundo, “Morada” revela a multitude de estilos e influências carregadas por Daniel Coelho. Um álbum com grooves interessantes e cheio de sutilezas.” - Rafael Piccolotto de Lima; “(...)quando encontramos um grande trabalho de música instrumental, como é o álbum de estreia, "Morada", do Daniel Coelho Sexteto, é sempre motivo de festa e de alegria.” - Guto Leite.